• Gabriel Mendonça

Untitled

O VISTO

É bom começar o processo de retirada do visto o mais rápido possível. Se você, como eu, é de Brasília, terá acesso fácil à embaixada americana. Se está no Rio, em Recife, ou em São Paulo, também terá facilidade neste processo. Agora, se encontra-se em algum outro local, é sempre bom ver qual consulado ou embaixada é mais próxima de você para conseguir adquirir seu visto com tempo e organização.

O processo é simples, mas pode ser lento. Lembre-se de consultar o site da representação diplomática americana na sua cidade ou a mais próxima de você, pois há documentos necessários, como sua Acceptance Letter (e uma Scholarship Letter se houver também), o pedido de F1 da sua faculdade, entre outras. Atente-se aos prazos também.

ORIENTATION

Ao chegar na sua faculdade, entrará em um período chamado de Orientation (orientação). Nele, todas as pessoas da faculdade voltam a atenção à você, freshman. Você, o mais novo membro daquela comunidade, aprenderá como andar pelo campus, como chamar ajuda em casos de emergência, como inscrever-se em aulas, como chegar ao refeitório, como usar seu plano de refeições, entre outras coisas.

É um momento integralmente dedicado a te ensinar, aos poucos, como viver dentro daquele novo espaço que chamará de lar. Geralmente, é um período que dura uma semana, no qual você se instalará no seu dormitório, conhecerá pessoas novas, participará de atividades de engajamento e recreações.

Lembre-se: todo mundo na orientation está na mesma que você. Não precisa ficar ansioso ou preocupado que não fará amigos. E também não precisa grudar em uma pessoa ou um grupo para garantir que tenha alguém com quem andar. Use este momento para conhecer e interagir com o maior número de pessoas possíveis. É sempre bom ter contatos.

Faça isso e verá que ao longo do ano ouvirá, “We met at orientation!”, diversas vezes. Divirta-se, é um momento de total descontração para os freshmen que estão entrando.

MOVING IN

Se você tiver um colega(s) de quarto, ótimo. Se não, ótimo também. Você fará amigos de qualquer maneira; no seu andar, no seu prédio, no seu quarto, e até no refeitório.

É difícil adaptar-se a viver em um quartinho com estranhos e comer, tomar banho e conviver em um ambiente totalmente diferente do que você está acostumada. Você irá ver que é a melhor coisa que poderia acontecer.

Você aprenderá regras de convívio que antes desconhecia, pois dividia um lar com sua família. Reconhecerá também seus próprios hábitos esquisitos que nem sabia que tinha.

Com o tempo, vai ficando normal voltar para aquele quartinho no dormitório. Fica divertido dividir aquele espaço com tanta gente nova e diferente de você. No começo é desconfortável, claro, mas a adaptação chega aos poucos. É uma experiência incrível.

#estudarnosEUA #graduarnoexterior #universidadeamericana #vistoEUA

Posts recentes

Ver tudo

Summer Job 101

Uma das melhores oportunidades que faculdades dos Estados Unidos podem oferecer aos estudantes são as longas “férias de verão” que vão de maio até agosto. Descansar, visitar a família, rever amigos, t